A A A

Uso do Alopurinol e Risco de Infarto Agudo do Miocárdio (Heart)

Resumo do Artigo

O objetivo do estudo foi avaliar o risco de infarto agudo do miocárdio (IAM) não-fatal em usuários de alopurinol. O estudo foi tipo caso-controle num período de 6 anos, entre 2001 – 2007, os pacientes selecionados tinham idade entre 40 e 90 anos. Foram excluídos pacientes com IAM antes da introdução da droga. A associação entre o uso do alopurinol e IAM não fatal foi feita por meio da do Odds Ratio (OD) ajustado para fatores de confusão por uma regressão logística incondicional.

Os resultados do estudo mostraram uma menor prevalência de eventos em usuários do medicamento (0,82%) em comparação com o grupo controle (1,03%) com OR de 0.52 (IC 95% 0.33 à 0.83). Não houve diferenças de idade. O efeito não foi observado em doses acima de 300mg/dia. Entre os usuários de alopurinol observou igualmente uma menor incidência de recorrência de evento

Os autores concluem que os resultados deste estudo apoiam a hipótese de que o alopurinol está associado à um menor risco de IAM não fatal, que parece ser dose-dependente e duração dependente


Artigo Original (Abstract)

Título: Allopurinol use and risk of non-fatal acute myocardial infarction

Autores: Francisco J de Abajo, Miguel J Gil, Antonio Rodríguez, Patricia García-Poza, Arturo Álvarez, Verónica Bryant, Luis A García-Rodríguez

DOI:10.1136/heartjnl-2014-306670

Especialidades: Cardiologia Palavras-chave: , ,

Próximo artigo

Pericardite Aguda

Copyright © 2014 - 2021. Portal angomed.comTermo de Uso | Política de Privacidade